Seguidores

quinta-feira, março 01, 2007

Previsão estado tempo até 09 de Março - Abundância de água e Vento forte, abrandando para o fim!




Um grande bem haja a todos os interessados!

Durante o próximo período semanal, a previsão vai num sentido de maior instabilidade, tanto ao nível da precipitação, como do vento e da ondulação.
Mais uma vez o Jet-Stream encontra-se na nossa latitude e com ligeiras oscilações no seu fluxo, provocando grande instabilidade, sobretudo entre os dia 04 e 07, para depois abrandar e com isso um fluxo de NW para o fim da próxima semana.
Assim, teremos 3 a 4 dias de grande instabilidade com pequenos períodos de transição entre as sucessivas depressões mas, o pior será para o Reino Unido, onde estão mesmo sobre a Linha da ciclogénese que eventualmente poderá ser explosiva no Domingo e Terça-feira para o NW da Europa.

NOTA: Não se esqueçam que irá existir um Eclipse Total da Lua no dia 03.03.07, i.e. Sábado e tem início por volta das 21:00 até á 01:00h de Domingo, esperemos é que a nebulosidade atrase e não atrapalhe a visualização deste acontecimento celestial.


"Março Marçelha, de manhã pinga a telha, à tarde zune a abelha, à noite arreganha o dente a ovelha"

Assim teremos:


Dia 02 – 6ª Feira

Períodos de céu muito nublado em todo o território e possibilidade de períodos de chuva fraca até ao fim da manhã, passando a regime de aguaceiros mais prováveis no NW do território.
Temp. Mín. Temp. Máx. Temperatura (Território N ->S)
3 a 12ºC 13 a 17ºC
Vento Forte de WSW

Dia 03 - Sábado

Céu pouco nublado, ou limpo em todo o território com a possibilidade de formação Nevoeiros Matinais, contudo poderá ficar temporariamente nublado por nuvens altas para a tarde no Norte.
Temp. Mín. Temp. Máx. Temperatura (Território N ->S)
3 a 12ºC 12 a 18ºC
Vento Moderado a Forte SW

Dia 04 - Domingo

Períodos de chuva a Norte do Tejo progredindo para Sul durante a madrugada e até ao fim da manha, passando a um regime de aguaceiros, em especial a Norte do Mondego diminuindo de frequência para a tarde, devido a boas abertas.
Temp. Mín. Temp. Máx. Temperatura (Território N ->S)
1 a 11ºC 11a 16ºC
Vento Forte a Muito Forte de SW

Dia 05 – 2ª Feira

Períodos de céu muito nublado, principalmente a Norte do Mondego e possibilidade de aguaceiros mais prováveis no NW do território, passando a períodos de chuva para o fim da tarde, primeiro no Litoral W e depois progredindo para o Interior e que serão de neve acima dos 1500m na Serra da Estrela.
Temp. Mín. Temp. Máx. Temperatura (Território N ->S)
-1 a 12ºC 12 a 15ºC
Vento Forte a Muito Forte de SW

Dia 06 – 3ª Feira

Períodos de céu muito nublado em todo o território e possibilidade de períodos de chuva moderada a forte até à tarde, passando a partir da noite a regime de aguaceiros mais prováveis no NW do território.
Temp. Mín. Temp. Máx. Temperatura (Território N ->S)
2 a 13ºC 13 a 16ºC
Vento Forte passando a Moderado de SW

Dia 07 – 4ª Feira

Períodos de céu muito nublado existindo a possibilidade de períodos de chuva, mais intensa a Norte do Mondego e, passando a um regime de aguaceiros para o fim da tarde.
Temp. Mín. Temp. Máx. Temperatura (Território N ->S)
2 a 13ºC 14 a 17ºC
Vento Moderado de W

Dia 08 – 5ª Feira

Céu muito nublado todo o território, existindo a probabilidade de chuva fraca o chuvisco para a tarde a Norte do sistema montanhoso Montejunto-Estrela e mais prováveis no Litoral W.
Temp. Mín. Temp. Máx. Temperatura (Território N ->S)
4 a 12ºC 14 a 20ºC
Vento Moderado a Fraco de WNW

Dia 09 – 6ª feira


Céu muito nublado todo o território, existindo a probabilidade de chuva fraca o chuvisco para a tarde a Norte do sistema montanhoso Montejunto-Estrela e mais prováveis no Litoral W.
Temp. Mín. Temp. Máx. Temperatura (Território N ->S)
1 a 14ºC 13 a 18ºC
Fraco a moderado de W


Ensembles:
Porto
http://85.214.49.20/wz/pics/MT8_Porto_ens.png
Lisboa
http://85.214.49.20/wz/pics/MT8_Lissabon_ens.png
Meteogramas:
Porto
http://85.214.49.20/wz/pics/MU_Porto_avn.png
http://wxweb.meteostar.com/sample/sample.shtml?text=LPPR
Vila Real
http://wxweb.meteostar.com/sample/sample_C.shtml?text=LPVR
Lisboa
http://85.214.49.20/wz/pics/MU_Lissabon_avn.png
http://wxweb.meteostar.com/sample/sample_C.shtml?text=LPPT


Estas previsões estarão sujeitas a eventuais alterações, pelo que se deverá de verificar a ocorrência das mesmas, visto tratarem-se de tendências de estado de tempo.


Melhores cumprimentos,
Mário Marques

4 comentários:

Rui disse...

Parece-me que o anticiclone dos Açores está preparado para começar a actuar, e está com força qb para não ser contrariado.

Será que hoje (6/3) foi a despedida do Inverno?

Mário Marques disse...

Boas Rui,
Sim, parece que vai regressar de férias e influenciar-nos, contudo, embora já tenha começado a Primavera Climática, prevejo que as situações tipicas de ocorrerem no Inverno , irão ocorrer até ao fim de Abril.
Lembro que, com apresença do Anticiclone dos Açores perto de nós, poderá potenciar incursões de NW que serão frescas e húmidas, pelo que ainda espero uma ou outra situação de neve para as terras médias/altas até ao fim de Abril.
Continuo a defender um ano atípico e ameno, ao contrário de toda a outra corrente e, saliento o facto de a NOAA já ter mudado de discurso e já apontar uma La Niña para a segunda metade do Ano o que vai em linha com a minha previsão de longo prazo para 2007.
Abraço

Rui disse...

Também não me parece, pela posição, que o anticiciclone vá bombear ar continental de África para Portugal. Quando muito, as temperaturas poderão chegar um ou outro dia aos 25ºC.

E no caso de se confirmar um La Niña, eu é que não gostava de estar no Golfo do México...

(ou melhor, até adorava, ;) mas só para ver um furacão ao vivo)

Mário Marques disse...

Boas Rui,
Se for um ano de La Niña (o que tudo indica que vá ser, temos de aguardar as próximas 4 semanas), o fluxo de furacões no Verão poderá ser um Inferno, mais para América Central, Caraíbas e Golfo do México mas, com trajectórias que se poderão desviar para NW a meio do atlântico.
O ACE (Accumulated Cyclone Energy) terá potencial para ser muito decisivo, além de um baixo fluxo de SAL (Saharian Airdust Layer). substancialmente mais fraco do que o ano passado.
Abraço